Notícias

Evento deverá abordar temas relacionados à violência letal que afeta crianças, adolescentes e jovens no país



Reunião preliminar para debater as tratativas sobre a realização 23ª edição do Encontro Nacional do Programa de Proteção a Crianças e Adolescentes Ameaçados de Morte (PPCAAM) no Acre, ocorreu na tarde desta segunda-feira, 2, na sede da Defensoria Pública do Estado. 
 

O estado deverá receber, no segundo semestre de 2023, representantes de instituições públicas de todo o país, que desenvolvem ações de defesa e proteção de crianças, adolescentes e jovens que estejam sob risco de morte. 

Reunião preliminar para debater tratativas sobre a realização de encontro nacional do PPCAAM foi realizado na sede da DPE Foto:  Golby Pullig/Ascom

defensor público Celso Araújo Rodrigues, vice-presidente do PPCAAM estadual e coordenador do Núcleo da Cidadania da Defensoria Pública, acredita que trazer o encontro nacional para o Acre pode potencializar ainda mais as políticas públicas desenvolvidas para a defesa de crianças e adolescentes vulneráveis.
 

Participaram também da reunião, o juiz da 2ª Vara da Infância da Juventude da Comarca de Rio Branco, Wagner Alcântara; o promotor Francisco Maia Guedes, da Promotoria Especializada na Defesa da Infância e da Juventudedo Ministério Público; a presidente estadual do PPCAAM, Dulcinéia Carvallho; a presidente da Associação de Conselheiros Tutelares do Acre, Lucinaira Carvalho e a servidora Maria Sandra Xavier, do Núcleo da Cidadania da DPE/AC.



Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o www.defensoria.ac.def.br, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse nossa Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.