Notícias



A Defensoria Pública do Acre - DPE/AC se reuniu na manhã desta sexta-feira, 22, com representantes do movimento de mães que decidiram informar falhas no atendimento do único hospital de urgência infantil da capital do Acre, a Urgil, credenciada pela Unimed. 


A arquiteta Talita Gomes e a advogada Vanessa Facundes foram recebidas pelos defensores Celso Araújo, coordenador do Núcleo da Cidadania; Juliana Caobicanco, coordenadora do Subnúcleo dos Direitos Humanos; Juliana Marques, coordenadora do Núcleo da Saúde, e por Rodrigo Chaves, coordenador do Subnúcleo do Superendividamento e de Ações do Consumidor.

 

Depois de vivenciar episódios de falha no atendimento médico prestado na unidade de saúde e que colocaram em risco a vida de seu filho, ocorridos em janeiro deste ano, a arquiteta Talita Gomes expôs o caso nas redes sociais recebendo o apoio de outras centenas de mães que passaram por situações semelhantes. 

Defensoria Pública recebe mães que reuniram assinaturas pedindo providências para resolver falhas no atendimento no Hospital Urgil Foto: Golby Pullig/Ascom DPE

"Quando acontece algo com um filho nosso, a gente já chega fragilizada ao hospital e ainda não somos bem atendidos. A minha intenção (com esse movimento) é resolver", afirmou a arquiteta, que citou também entre os problemas encontrados no hospital a falta de triagem no atendimento e de tratamento humanizado por parte dos profissionais.

A Defensoria Pública promoveu a reunião após observar a movimentação gerada nas redes sociais, que culminou com um abaixo-assinado que reuniu até agora 2.266 assinaturas de mães e pais pedindo providências para a resolução das reclamações dos usuários.  “A gente precisa de vozes e as vozes de vocês são importantes”, pontua o defensor Rodrigo Chaves. 

A DPE/AC irá encaminhar na próxima semana um ofício ao Hospital Urgil e à Unimed solicitando reunião para discutir medidas para solucionar os problemas apontados. 

 



Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o www.defensoria.ac.def.br, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse nossa Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.