Notícias



O defensor público Rodrigo Chaves, coordenador do Subnúcleo de Superendividamento, participou da audiência pública do Conselho de Consumidores de Energia Elétrica (Conceac), realizada na manhã desta segunda-feira, 28, no Teatro Hélio Melo, representando a Defensoria Pública do Acre.
 

De caráter consultivo, o Conselho de Consumidores de Energia Elétrica é instituído pelas concessionárias de serviço público de distribuição de energia, no caso do Acre a Energisa, para orientar, analisar e avaliar questões relacionadas ao fornecimento, tarifas e adequação dos serviços prestados ao consumidor.  
 

Composto por representantes de cinco áreas: residencial, industrial, comercial, rural e poder público, o Conceac efetivou os membros que atuarão no próximo mandato, para um período de quatro anos, que inicia no dia 1º de julho de 2022.

 

Defensor Rodrigo Chaves contribuiu com debate sobre direitos do consumidor de energia elétrica em audiência pública do Conceac Foto: Golby Pullig/Ascom DPE

“Consideramos a audiência representativa, mesmo com um número pequeno de participantes e a novidade para a próxima gestão, que começa em julho, é o ingresso da Federação dos Trabalhadores Rurais do Acre (Fetacre). Estamos preparados para nova fase”, pontuou o presidente do Conselho, Ivan de Carvalho, que representa a área residencial do Conceac.
 

Para o coordenador do Subnúcleo de Superendividamento, Rodrigo Chaves, a audiência pública foi bastante proveitosa no sentido de esclarecer pontos que colocam em questão o direito do consumidor. Ele apresentou como sugestão a realização de novos eventos similares para ampliar a discussão sobre o tema e acompanhar mais de perto as demandas procurando encaminhar para a Aneel os casos que não forem resolvidos pela concessionária.

 

Entre os temas abordados na audiência estão a manutenção dos leituristas intermitentes, os serviços de manutenção nas áreas isoladas de mais difícil acesso, a continuidade da entrega das geladeiras para famílias de baixa renda, além da inserção de Kits de Ligação, com o objetivo de trocar ligações precárias dentro das residências.



Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o www.defensoria.ac.def.br, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse nossa Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.