Notícias



A Defensoria Pública do Estado do Acre (DPE/AC), na ocasião representada pelo defensor público Elísio Mansour, participou, nesta quinta-feira, 8, do seminário desafios da socioeducação no contexto brasileiro, promovido pela Escola do Poder Judiciário (Esjud).

O seminário que acontece nos dias 8 e 9, de forma virtual pela Plataforma Google Meet, é direcionado a membros e servidores do Tribunal de Justiça do Estado do Acre (TJAC), comunidade jurídica e integrantes do Programa de Direitos Humanos do órgão de ensino. 

Participação da DPE/AC no seminário desafios da socioeducação no contexto brasileiro. (Foto: Reprodução)

 

No primeiro dia do webinário, foram ministradas as palestras “Os desafios da implantação das diretrizes dispostas no HC 143.988”, com a participação especial do ministro Sérgio Luiz Kukina, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), e “Os desafios de executar as medidas socioeducativas em tempo de pandemia”, ministrada pela juíza de Direito, Lúcia Glioche.

 

Para o encerramento, no segundo dia, serão ministradas as palestras “Aprendizagem Profissional nas Unidades de Internação: Desafios e Conquistas”, ministrada pela juíza de Direito, Lavínia Tupy, e também a palestra “Gestão de vagas e a experiência pernambucana: questões práticas”, ministrada pelo juiz de Direito, Rafael Cardoso. 

 

O evento contou com a presença da diretora da Esjud, desembargadora Regina Ferrari, do vice-diretor da Esjud, Samoel Evangelista, da desembargadora Eva Evangelista, do juiz de Direito Gustavo Sirena, da juíza auxiliar da presidência do TJAC, Andréia Brito, da presidente da Associação dos Magistrados do Acre, juíza Maria Rosinete dos Reis, além dos demais magistrados, professores, acadêmicos e público em geral.